Destination: Bali!


Bali!! Finalmente tive a oportunidade de te conhecer! Levou-me algum tempo a conseguir riscar este destino da minha lista mas finalmente consegui ir até lá - mesmo que só por um dia, o que fez com que aponte na minha agenda para 2017, ainda, uma visita em férias até lá.

Sempre ouvi falar bem de Bali pelas mais diversas razões. A ilha é também famosa por razões religiosas e por causa disso, decidimos, naquele dia, visitar o Templo de Uluwatu. Uluwatu não era longe de o sítio onde estávamos a ficar (Nusa Dua), mas caso nunca tenhas ido a Bali, deixa-me mencionar acerca de um outro facto também ele famoso em Bali: de que mesmo a distância mais curta, por vezes, pode-se tornar numa viagem longa devido aos problemas de trânsito que eles lá têm. Digamos que as estradas depois, para ajudar, também não sejam as de melhor qualidade, pois são todas género estradas secundárias, no meio das vilas. Onde tanto nos podemos cruzar com uma mota, como com uma galinha ao mesmo tempo. E isto pode ser um problema para pessoas que viajam com estadias curtas, como eu. Por isso, caso tenciones visitar Bali e vás de dias contados, aconselho a planeares bem as viagens. Porque não vais querer perder tempo parado no trânsito! Ahaha!

O dia não brilhou para nós naquele dia, esteve sempre assim meio nublado - e mesmo assim escaldei os ombros (leva e anda sempre com protector solar). Por isso, caso estejas a pensar em ir de férias, eu recomendo escolheres um dia cheio de sol e ires a Uluwatu pelo pôr do sol (o momento mais famoso deste templo). Ouvi dizer que a cerimônia Kecak e a dança do Fogo na hora do pôr do sol são duas coisas mágicas a presenciar.

Assim pus o meu pé fora da carrinha, o nosso motorista alertou-nos para o facto de termos muito cuidado com os macacos!! (Aahah) Parece parvo, mas eles são malucos e roubam coisas pessoais só por diversão e curiosidade, mais concretamente óculos ou máquinas fotográficas. Mesmo dentro do templo há avisos a toda a hora, para relembrar os turistas acerca desta facto e evitar desilusões ou perdas. Mas claro, mesmo assim, dito isto, uma das minhas colegas ainda perdeu os seus óculos. Depois de algum tempo, conseguimos reavê-los dos malucos dos macacos, mas mesmo assim eles decidiram destrói-los por completos e comer algumas partes. Por isso, tem atenção a isto aquando visitares o templo!!! - eu avisei :)

Uluwatu ou também chamado de Pura Luhur Uluwatu acredita-se que seja um dos templos principais relacionado com as seis chaves espirituais. Encontra-se localizado num enorme penhasco, a cerca de 70 metros acima do nível do mar - portanto, imagine-se as vistas! A origem do nome deriva de “ulu“ que significa alto ou a ponta e “watu“ que significa a pedra ou rocha em balinês. Variados factos arqueológicos, datam a existência do templo para o megalítico. A razão por detrás do facto que ninguém decidiu retirar os macacos do sítio (mesmo apesar dos seus ataques), é porque se acredita que eles são capazes de proteger o templo de más influências - sendo que eles se encontram logo à entrada, na floresta. Devido à sua posição, Uluwatu tem também como principal função, proteger Bali dos espíritos maus do mar.

Depois da visita ao templo e, com a ideia em mente que as fotografias poderiam ser totalmente melhores caso não fossem as condições meteorológicas, fomos para a nossa próxima localização, que era um almoço pela praia. Claro que eu tinha de comer o famoso e tradicional delicioso Nasi Goreng e porque o nível de humidade naquele dia, fez-me transpirar que nem um porquinho, decidi pedir uma água de côco gigante para acompanhar e hidratar-me de toda a água perdida! Ahaha!

Ainda tínhamos algum tempo de sobra quando chegámos ao hotel, por isso, claro, a sereia que há em mim, levou-me até um mergulho! Diz-me se gostaste desta publicação e achaste informativa. Eu vou de certeza voltar a Uluwatu um dia com melhores condições (e com mais tempo também)!

Boas viagens! Beijinhos, Sara.

//Bali!! Finally, I had the chance to meet you! It took me a while to tick off this destination from my bucket list but finally I managed to be there - even so just for a day, which leads me to plan some vacation on my 2017 agenda.

I heard a lot of good things about Bali for many reasons. The island is also famous for religious reasons and because of this, we decided to visit the Uluwatu Temple this day. Uluwatu wasn't that far from where we stayed in Nusa Dua, but if you never went to Bali, let me tell you a fact that everyone knows that has been there: even the shortest distance can become the longest due to the heavy traffic in there. Let's say the roads aren't the best ones, they're all kind of secondary ones and in between the villages. This can be a problem for someone with short stays, as me. So whenever you're visiting Bali, in case you've counted your vacation days , make sure you planned your trips before in order to not spend the most of your vacation time in traffic. Ahaha!

The day didn't actually brighten up for us, it was always kind of cloudy and I'd recommend you if you're going to visit it, be aware of the weather and try to choose a sunny day to catch the sunset time (which is the most famous moment). On my Balinese vacation I'll make sure to come back to this place under those conditions, since the experience can be really influenced by this. Since I heard that the Kecak and Fire dance upon sunset can be magical.

As I was stepping out the van, our driver recommend us to stay away and be very careful with the monkeys. And to do not let us be fooled by them because they steal personal belongings, preferable sunglasses or even cameras - apparently they love it. Of course, they do this out of fun or curiosity, after all they’re still monkeys and still wild animals. Even in the temple there's an advise going on, from time to time, to remember the visitors. Said this, of course, one of my tour colleagues had to loose her sunglasses over the crazy monkeys. After some time we managed to have them back but in an attempt to find the flavour of it, the monkeys decided to eat and destroy the sunnies! So be careful!! I warned you :)

Uluwatu or also called Pura Luhur Uluwatu temple is believed to be one of the six key spiritual pillars. It's located as I said on a majestic cliff that is 70 meters above the sea level! - So imagine the views! The origin of its name comes from "ulu" meaning the "top" or the "tip" and "watu" that means a "stone" or a "rock" in Balinese. Many archaeological remains found here and proved that the temple dates are from megalithic origin. The reason behind the fact that no one until today took the monkeys out of there it's because they believe that they're able to protect the temple from bad influences - since their location is on a forest at the entry of the temple. Do you know that due to its position, Uluwatu is also dedicated to protect Bali from evil sea spirits?

After visiting the temple and in mind that the pictures could look insanely different if the weather conditions were others, we head up on to the next location. Which was a lunch at the beach. Of course, I had to eat the famous and delicious traditional Nasi Goreng and because the humidity level on that day made me sweat like a pig, a huge coconut water to pair my food and hydrate me was the ideal!

We still had some time left when we arrive to the hotel, so the mermaid on me had to take a swim! This was my 24 hours in Bali! Let me know if you like it and if you agree with my points - in case you've been in Uluwatu before. I'll definitely come back to the same place with a better weather (and timing)!

Safe trips! See you on our next affair. Sara, XOXO.


RECENT POSTS
THE
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Yelp Icon
  • mail-logo-white

All rights reserved. © 2019 THE Saraffair.